Mário de Andrade e Brecheret nos primórdios do modernismo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram

Artigo: Mário de Andrade e Brecheret nos primórdios do modernismo

Autor(a): Telê Ancona Lopez

Revista: Revista USP

Ano: 2012

Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revusp/article/view/45023

 

Resumo: 

O artigo aborda o jornalismo de Mário de Andrade na propaganda do modernismo paulistano, o qual, em 1920-21, luta para conseguir que a obra do escultor Victor Brecheret, Monumento às Bandeiras, fosse concretizada em praça pública, no intuito de afirmar a renovação nas artes, no Centenário da Independência, em 1922. Focaliza, especialmente, a presença do autor de Pauliceia Desvairada na revista Papel e Tinta, de São Paulo, e na Ilustração Brazileira, periódico do Rio de Janeiro.

Palavras-chave: modernismo paulistano em 1920-21, jornalismo de Mário de Andrade, Victor Brecheret e o Monumento às Bandeiras.

 

Fonte: Portal de Revistas da USP